Vietnã lembra 30 anos de relações diplomáticas com Brasil. Comércio entre os dois países aumentou incríveis 155 vezes nos últimos 18 anos.


São 30 anos de relações diplomáticas do Vietnã com o Brasil. Mas não é só isso. Durante esse período o Vietnã conseguiu se tornar o principal parceiro comercial brasileiro na ASEAN (Associação das Nações do Sudeste Asiático). E vice-versa porque nos tornamos os principais parceiros vietnamitas na América Latina.

Somente nos últimos 18 anos o comércio entre Brasil e Vietnã aumentou incríveis 155 vezes, saindo de US$ 39 milhões para US$ 4,2 bilhões. “Nossas relações são baseadas na complementariedade e não na concorrência direta. Por exemplo, o Brasil importa café do tipo robusta e nós do tipo arábica. E assim, fazemos nosso “blend” e exportamos para o mundo”, disse o embaixador vietnamita, Do Ba Khoa.

O embaixador vietnamita, Do Ba Khoa, discursa na sede da representação diplomática, em Brasília. Foto: Claudia Godoy.

O embaixador vietnamita aproveitou os 30 anos de relações diplomáticas com o Brasil para homenagear com a medalha pela paz e amizade a jornalista Fabiana Ceyhan e o empresário e ex-secretário de Indústria e Comércio de Goiás, William Leyser. Ceyhan lembrou a amizade com o embaixador e agradeceu a homenagem. O empresário elogiou o “belíssimo trabalho em Brasília e no Brasil do embaixador”.

O embaixador vietnamita e os homenageados, a jornalista Fabiana Ceyhan e o empresário William Leyser. Foto: Claudia Godoy.

No ano passado, o volume de comércio do Brasil com o Vietnã atingiu US$ 4,5 bilhões. Também no ano passado, o vice-primeiro ministro do Vietnã, Voung Dinh Hue, visitou o Brasil e assinou acordos para regulamentar o intercâmbio de sementes e animais. Foram assinados, ainda, acordos para formalizar a troca de informações técnicas entre os dois países.

Tereza Cristina e Jair Bolsonaro. Foto: MAPA.

Khoa fez um balanço das últimas realizações, como a visita que a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, fará ao Vietnã, neste mês, e o convite já feito ao presidente Jair Bolsonaro para o visitar o seu país. “A ministra irá discutir medidas para maior abertura dos mercados para produtos agrícolas e diversificação da pauta de comércio. Temos interesse em bovinos vivos e carne bovina e melão”, disse Khoa. Segundo o diplomata, a ministra irá, ainda, avaliar o livre comércio regional, cooperação educacional entre províncias e cidades do Vietnã com estados e cidades brasileiras.

Tereza Cristina e Jair Bolsonaro. Foto: Agência Brasil.
Gado no pasto de fazenda. Foto: MAPA.

Em 2010, Luís Inácio Lula da Silva visitou o Vietnã. “ Foram firmados acordos de cooperação e amizade entre os dois países e os laços de confiança aprofundados”, disse o embaixador.

Lula durante visita ao Vietnã.

Agora, os desafios serão fortalecer o intercâmbio, assinar acordos de cooperação técnica e científica, defesa, aviação civil e turismo. “Apresentei hoje o caminho percorrido nos últimos 20 anos. Esperamos continuar com sucesso e com bons resultados para elevar os laços de parceria a um novo patamar”, disse o embaixador.

Author: Claudia Godoy

Jornalista e fotógrafa, atuei na cobertura de imprensa nos Ministérios da Fazenda, Agricultura, Planejamento, Indústria e Comércio, Relações Exteriores, Saúde, Educação, além de Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Banco Central. Também repórter e produtora de rádio e tv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.