Tokayev quer manter laços com Brasil de Bolsonaro

O novo presidente do Cazaquistão Kassym-Jomart Tokayev, eleito recentemente com mais de 70% dos votos de quase 12 milhões de eleitores cazaques, quer manter os laços e explorar novas oportunidades de parceria com o Brasil.

Eleito em junho, Tokayev quer manter laços e incrementar comércio com o Brasil. Foto: Divulgação.

“Ficamos felizes em receber a mensagem de congratulações de Sua Excelência, o presidente Jair Bolsonaro, dirigida ao presidente Kassym-Jomart Tokayev, por ocasião de sua eleição, na qual enfatizou sua intenção de trabalhar estreitamente na implementação de projetos conjuntos que contribuam para a prosperidade e bem-estar de nossos povos”, disse o embaixador do Cazaquistão, Kairat Sarzhanov.

O embaixador afirmou que Cazaquistão e Brasil compartilham “totalmente o compromisso de trabalhar juntos para o benefício de nossas nações”. Em 12 de junho, logo após vencer as eleições cazaques, o presidente Tokayev sublinhou em discurso de posse sua visão sobre o futuro do Cazaquistão. “Foi abrangente e ambicioso”, analisou Sarzhanov, em entrevista.

O Cazaquistão e toda a sua modernidade. Foto: embaixada do Cazaquistão.

Sobre a política externa, o novo presidente cazaque prometeu que não haveria mudanças em relação à abertura equilibrada e multi-vetorial que aumentou a segurança e a prosperidade no país e ganha respeito no cenário mundial.

Ainda de acordo com o embaixador do Cazaquistão, o novo governo está focado em garantir crescimento econômico. “Que será alcançado através da continuação da implementação de planos ambiciosos de modernização estabelecidos pelo primeiro presidente do país, Nursultan Nazarbayev”. informou Sarzhanov.

Com o intuito de alcançar o desafio de manter os avanços do presidente anterior, além de atingir novas conquistas, Tokayev já criou o Ministério do Comércio e da Integração, que irá liderar o esforço para aumentar as exportações do país. “As exportações são importantes para o crescimento econômico e criação de empregos, colocando grande ênfase no papel da geração jovem”, garantiu o embaixador cazaque.

O novo presidente cazaque também trabalha para combater a desigualdade e identifica a necessidade de asssistência especial para famílias de baixa renda e grupos vulneráveis. “Ele (o presidente) prometeu acelerar a oferta de moradias de qualidade a preços acessíveis e melhorias na educação e na saúde”, lembrou Sarzhanov.

Além de ter uma preocupação especial com a desigualdade social, o presidente Tokayev parece preocupado também com a corrupção. Ele adotou um pacote de medidas para fortalecer o sistema judiciário, melhorando a seleção e o treinamento de juízes.

A natureza exuberante do Cazaquistão. Foto: embaixada do Cazaquistão.

A questão ambiental, tão em voga nos tempos atuais, é tema de atenção de Tokayev. Depois que assumiu o cargo, o presidente criou o Ministério de Ecologia, Geologia e Recursos Naturais. “Assim esperamos que o novo governo se concentre em ganhar e manter a confiança de seus cidadãos, garantindo sua segurança, prosperidade e bem-estar”, analisou o embaixador cazaque.

O primeiro presidente cazaque, Nursultan Nazarbayev. Foto: divulgação.

As eleições deste ano no Cazaquistão foram históricas. O país era governado por Nazarbayev desde o desmoronamento da antiga União Soviética. A eleição teve a participação de sete candidatos, inclusive uma mulher, o que representa um avanço, num país de maioria muçulmana.

Em 2018, o Brasil exportou US$ 80,3 milhões para o Cazaquistão, e importou US$ 35,7 milhões, o que resultou em superávit superior a US$ 44,5 milhões. Nos quatro primeiros meses de 2019, as exportações brasileiras somam US$ 28,4 milhões e as importações US$ 11,6 milhões, com superávit de US$ 16,6 milhões.

Author: Claudia Godoy

Jornalista e fotógrafa, atuei na cobertura de imprensa nos Ministérios da Fazenda, Agricultura, Planejamento, Indústria e Comércio, Relações Exteriores, Saúde, Educação, além de Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Banco Central. Também repórter e produtora de rádio e tv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.