Chineses deverão incrementar compra de carne brasileira e preço do produto deve continuar aumentando

Prejudicados pela peste suína africana, os chineses deverão incrementar em 30% as importações de carne brasileira nos próximos meses.

A expectativa é de que além da carne suína, as compras chinesas de carnes brasileiras de frango e bovina também deverão aumentar. Isso deve ocorrer porque diante do medo de consumir carne contaminada, os consumidores chineses deverão passar a consumir as carnes importadas.

O incremento nas compras chinesas do Brasil e a menor oferta de boi para abate está gerando muita concorrência no mercado brasileiro de carne bovina e levando a aumento no preço do produto.

Foto: Divulgação.

Dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontaram aumento de 1,55% em abril em relação a março deste ano. A tendência é de mais elevação nos preços do produto nos próximos meses.

Foto: Agência Brasil.

O Brasil é considerado o maior fornecedor mundial de carne com certificado sanitário, já que os chineses estão em guerra comercial contra os EUA.

Os pecuaristas brasileiros seguem investindo forte em tecnologia, apostando em maior participação do produto brasileiro no mercado externo. Mas o país ainda enfrenta dificuldades em função da qualidade da carne, rastreabilidade e no número de plantas frigoríficas habilitadas.

O setor brasileiro de carnes está operando com margens negativas desde 2017, quando a Rússia embargou importações do Brasil.

A peste suína africana já provocou o abate de mais de um milhão de animais na China. Eles têm metade do rebanho mundial.

Author: Claudia Godoy

Jornalista e fotógrafa, atuei na cobertura de imprensa nos Ministérios da Fazenda, Agricultura, Planejamento, Indústria e Comércio, Relações Exteriores, Saúde, Educação, além de Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Banco Central. Também repórter e produtora de rádio e tv.

2 thoughts on “Chineses deverão incrementar compra de carne brasileira e preço do produto deve continuar aumentando

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.