Chineses estão de olho na construção da Ferrogrão. Em visita à China, Tereza Cristina recebe promessa de investimentos no Brasil.

Os olhos dos chineses se voltaram para as obras ferroviárias, como a Ferrogrão, um projeto brasileiro que prevê o escoamento de grãos na região centro-oeste, entre Sinop (MT) e Itaituba (PA). A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, faz visita à Ásia e hoje (13) se reuniu com autoridades em Xangai, China. Ela já visitou o Japão e ainda irá à Indonésia e Vietnã.

Tereza Cristina, da agricultura apresenta os dados agropecuários brasileiros para investidores na China. Foto: MAPA.

O edital para a escolha da empresa responsável pela realização da Ferrogrão deverá ser lançado no final deste ano. O projeto tem orçamento previsto de US$ 3,37 bilhões.

Outras obras que os chineses têm interesse é a Fiol, ferrovia que deverá ligar Ilhéus (BA) a Figueirópolis (TO) para escoar minério de ferro e grãos da região de Caetité, além da Norte-Sul, a principal via de escoamento de grãos pelo Arco Norte. Os investimentos são estimados em US$ 680 milhões.

Tereza Cristina apresentou, em Xangai, em encontro organizado pelo Banco do Brasil, os dados do setor agropecuário brasileiro a um grupo de cerca de 40 investidores chineses com projetos no Brasil. Os investidores informaram que pretendem incrementar os recursos em setores como sementes, suinocultura, infraestrutura e ferrovias.

Author: Claudia Godoy

Jornalista e fotógrafa, atuei na cobertura de imprensa nos Ministérios da Fazenda, Agricultura, Planejamento, Indústria e Comércio, Relações Exteriores, Saúde, Educação, além de Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Banco Central. Também repórter e produtora de rádio e tv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.