Belarus, um grande parceiro brasileiro

Só no ano passado, do total de US$ 440,4 milhões exportados de Belarus para o Brasil, 98,7% eram de fertilizantes à base de potássio. Este tipo de fertilizante garante a alta produtividade da soja, milho e  algodão brasileiros. Em função dessa alta produtividade deveremos alcançar mais uma grande safra 2018/2019. 

Segundo dados da Conab, a Companhia Nacional de Abastecimento, a safra que começa a ser colhida este ano deverá atingir até 238 milhões de toneladas no próximo ano. 

De acordo com o conselheiro da Embaixada de Belarus, Aleksandr Shkatulov, o Brasil está entre as grandes potências do mundo e “pretendemos usar a posição do país em relação ao Mercosul para melhorar o comércio entre as duas nações”. No início do ano, a Belarus comprou do Brasil três aviões de passageiros no valor total de US$ 101,2 milhões. 

Além de fertilizantes, Belarus exporta tecidos de linho, fios de aço, herbicidas e máquinas agrícolas de pequeno e grande porte. Shkatulov acrescenta que o seu país trabalha para implantar no Brasil uma montadora de tratores em breve. Eles firmaram um acordo de cooperação com Goiás, em 2010.

Tratores produzidos em Belarus

Author: Claudia Godoy

Jornalista e fotógrafa, atuei na cobertura de imprensa nos Ministérios da Fazenda, Agricultura, Planejamento, Indústria e Comércio, Relações Exteriores, Saúde, Educação, além de Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Banco Central. Também repórter e produtora de rádio e tv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.