segunda-feira, 17 junho, 2024
10.5 C
Brasília

Jovem escritora angolana no Dia da África do Senado

OUTROS DESTAQUES

Por Claudia Godoy

O Senado, em coordenação com a Embaixada de Angola, comemorou o Dia da África com um evento que teve, como convidada especial, a jovem escritora angolana Otchaly, que autografou dois livros para o numeroso público presente.

No evento, realizado na Biblioteca da casa legislativa, o embaixador de Angola, Manuel Eduardo Bravo, e a diretora-geral do Senado, Ilana Trombka, destacaram os laços culturais históricos entre os dois povos. 📸Claudia Godoy
No evento, realizado na Biblioteca da casa legislativa, o embaixador de Angola, Manuel Eduardo Bravo, e a diretora-geral do Senado, Ilana Trombka, destacaram os laços culturais históricos entre os dois povos. 📸Claudia Godoy
Também falaram na ocasião o coordenador do Grupo de Trabalho de Afinidade de Raça do Senado, Devair Sebastião Nunes, e a escritora Otchaly, de 15 anos de idade, autora de “A Rainha Angolana Nzinga” e “Determinação – a minha história com o bullying”. 📸Claudia Godoy

No evento, realizado na Biblioteca da casa legislativa, o embaixador de Angola, Manuel Eduardo Bravo, e a diretora-geral do Senado, Ilana Trombka, destacaram os laços culturais históricos entre os dois povos.

Também falaram na ocasião o coordenador do Grupo de Trabalho de Afinidade de Raça do Senado, Devair Sebastião Nunes, e a escritora Otchaly, de 15 anos de idade, autora de “A Rainha Angolana Nzinga” e “Determinação – a minha história com o bullying”.

Estiveram presentes representantes de diversas embaixadas africanas e do Caribe, e Luandino Luís Alves Carvalho, diretor da Casa de Cultura de Angola na Bahia, que organizou o lançamento dos livros de Otchaly em Salvador.

spot_img
spot_img